novidades

Página Inicial      |      Conceitos



contato:




A D A P T S E


Escola de Arquitetura

Universidade Federal

Minas Gerais


Rua Paraiba 697
sl 125

Belo Horizonte

30130-140


contato@adaptse.org

(5531) 3409 8810

 

 

Pessoas com mobilidade reduzida

Trata-se de um grupo de pessoas com perfil muito diversificado. A mobilidade reduzida é uma maneira formal na legislação para reconhecer problemas de deficiência temporária que afeta a mobilidade. 

Não basta, por exemplo, que uma mulher esteja grávida para ser considerada uma pessoa com mobilidade reduzida. Não basta que uma pessoa tenha idade acima de 65 anos. Não basta que ela tenha idade inferior a 18 anos. Não basta que ela tenha uma deficiência na mão ...

O conceito de pessoa com problemas de mobilidade implica em reconhecermos de fato que deficiências podem ser temporárias. Em todos os casos acima, uma pessoa terá mobilidade reduzida quando sua gravidez afetar seu equilíbrio ou sua habilidade de caminhar. Um indivíduo com idade acima de 65 anos terá mobilidade reduzida quando seu equilíbrio, capacidade de reação, força muscular, e percepção sensorial estiverem desajustados com as condições ambientais ao ponto de sentirem fatiga ou estarem sob risco de acidentes.

A legislação prefere distinguir entre pessoas portadoras de deficiência e pessoas com mobilidade reduzida, ao invés de considera-las pessoas que vivenciam problemas de acessibilidade com diferentes níveis de intensidade. Isto é compreensível porque as pessoas tendem a recusar serem identificadas com algum vínculo em relação a uma deficiência. Como acha que uma grávida reagiria se a ela fosse atribuida a imagem de pessoa com deficiência temporária???

A lição que fica é que devemos dar enfoque aos problemas de mobilidade e de orientação por entre os espaços edificados quando tratarmos de problemas de acessibilidade. Isso nos unirá uns aos outros para resolvermos esta questão em comum.

/\ início